Links Recomendados

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Ícone

Fale Conosco

Rua Barão do Bom  Retiro, 559

Engenho Novo - CEP 20715-002

Rio de Janeiro - RJ

Tel. (21) 2501-7583

Copyright 2020 | Servas da Santíssima Trindade

 

  • Ir. Maria Celeste

O Segredo de um grande amor Vl


O Segredo de um grande amor

Ao chegar ao Brasil, em 1940, entrou de cheio nos cargos de Religiosa Educadora na Congregação das Cônegas de Santo Agostinho, lidando com alunas de alta sociedade, a maioria sem grandes ideais. Tornou-se professora da Faculdade “Sede Sapientiae”, da mesma Congregação. Suas dúvidas redobraram, apesar de recém chegada, teve coragem de expor tudo à Madre, Superiora de sua comunidade Religiosa, em São Paulo. Esta a aconselhou a consultar o Pe. José Danti, Superior dos Jesuítas e muito amigo da Casa e das irmãs. Este lhe perguntou se havia muito tempo que se achava na Congregação. À sua resposta afirmativa, respondeu-lhe que depois de tanto tempo, precisava de uma manifestação muito explícita da vontade de Deus para poder deixá-la. De modo especial, depois de tudo quanto a Congregação fizera por ela. Isto significava justamente tocar no ponto vulnerável da questão: a gratidão pela Congregação que a recebera. Resolveu, então, não pensar mais no assunto. Celeste era muito sincera, coerente, sensível. Mas como lutar com a graça de Deus?

Sentia-se cada vez mais apaixonada pela Trindade, grande amor de sua vida. Busca ser toda da Trindade, realizar sua vontade e anunciar seu amor. Como Cônega, no dia 13 de maio de 1942, com autorização de seu diretor espiritual Frei Emílio Wienk, da Ordem do Carmo, faz o voto de consagrar toda sua vida a glorificação da Santíssima Trindade e a difusão de seu culto. A oração que ela redige para sua consagração é:

- “Meu Deus, que pela vossa infinita misericórdia, vos dignais habitar dia e noite no mais intimo de meu ser, fazendo-me participar de vossa própria vida divina, eu vos agradeço por esse benefício inefável. Concedei-me a graça de desaparecer a mim mesma, a fim de que minha vida seja exclusivamente consagrada a vós e à missão que me confiastes. Iluminai minha inteligência para que eu possa ensinar a todos vosso amor e sua própria dignidade. Que o vosso amor consuma todo meu ser, a fim de que em mim só haja vós; e que cada ato de minha existência seja para vós uma oferta do vosso próprio amor”.

Esta oração de oferta, entrega e consagração de toda sua vida à Santíssima Trindade é aceita por Deus Pai, Filho e Espírito Santo como holocausto e oferenda perpétua. Nós, sua filhas contemplamos sua vida, a cada dia, ser ‘consumida’ no Amor à Trindade e à sua missão.

(Continua...)

#OSEGREDODEUMGRANDEAMOR

41 visualizações